Bem vindo ao meu blog

Quando abro os olhos vejo aquela pirâmide, a mais bela visão que meus olhos presenciaram, a felicidade tomava o meu corpo, aquele manto branco me deixou em êxtase de euforia

O Acordo

EU DO ROUBO 2044, 15:00 horas em Los Angeles. -Socorro, preciso de ajuda. -Onde estou? Não me lembro de chegar...

Eu do Roubo

EU DO ROUBO! DEIXAMOS PASSAR OS PEQUENOS DETALHES Certa noite após sair do trabalho resolvi passar no supermercado para fazer compras. Depois de escolher os produtos que faltavam em minha casa, me encaminhei até o caixa onde residia uma bela mulher. Momentos depois de efetuar o pagamento, a mulher me deu uma caneta, dizendo que eu havia esquecido. Portanto essa caneta não é minha, por duas vezes eu resisti dizendo que não me pertencia, porém aquela mulher com todo o seu charme continuava a dizer que aquela caneta me pertencia e eu havia esquecido. No final, sem qualquer importância peguei aquela caneta, que de baixo custo valia e fui embora. Quando cheguei em minha casa sentei em minha poltrona para descansar, nesse momento eu acordei. Tudo aquilo que se passava era um simples sonho ou eu pensava que era. Acordado olhando pela janela me apareceu um velho amigo que vinha me visitar. Ao chegar ele me diz bem rapidinho: Venho com pressa meu velho amigo, apenas para lhe contar que o senhor não foi aceito na federação de policia do estado, me desculpe não sei muito bem o porquê, apenas que no seu teste psicotécnico o senhor constou fortes índices de roubo. Naquele momento o meu sonho fazia sentido, em toda minha vida eu peguei o que não me pertencia, olhei no espelho percebi que existia um eu dentro de mim do qual eu não conhecia, do qual não tinha controle, por mais simples que acontecia, sempre esteve ali agindo por mim, agindo comigo, sendo o “Eu do Roubo”. Quando abri os olhos vem o meu velho amigo correndo, bem rapidinho vem Gritando:  Parabéns meu velho...

Charles Chaplin

Que os vossos esforços desafiem as impossibilidades, lembrai-vos de que as grandes coisas do homem foram conquistadas do que parecia impossível.

Albert Einstein

O homem erudito é um descobridor de fatos que já existem – mas o homem sábio é um criador de valores que não existem e que ele faz existir.

Sigmund Freud

“Existe duas maneiras de ser feliz nesta vida, uma é fazer-se de idiota e a outra sê-lo.”

Aristóteles

Quanto à virtude, não basta conhecê-la, devemos tentar também possuí-la e colocá-la em prática.

Eles tentam

Falar conosco

sempre que

aparecem para nós

Eu não sei qual é o mundo real, ou se pelo menos existe algum. A divisão fica mais distinta e suas aprovações mais drásticas. Tentar voar não trazia a resposta certa, apenas me deixa mais confuso. 

Veja meu blog